Suzano vê dificuldades em adotar projeto que autoriza Samu a levar pacientes com convênios a hospitais particulares
Foto: Irineu Junior

Suzano vê dificuldades em adotar projeto que autoriza Samu a levar pacientes com convênios a hospitais particulares

O secretário entende que isso só seria possível se os convênios fizessem o repasse dos valores destas transferências à municipalidade – e mesmo assim se não houver prejuízo logístico ao serviço de urgência e emergência já prestado à população.

O secretário municipal de Saúde, Luis Claudio Guillaumon, comentou, esta semana, um projeto aprovado no ABC que prevê a possibilidade de o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) transportar pacientes com convênio médico para hospitais particulares.
O secretário entende que isso só seria possível se os convênios fizessem o repasse dos valores destas transferências à municipalidade – e mesmo assim se não houver prejuízo logístico ao serviço de urgência e emergência já prestado à população. “Por ser questão extremamente complexa, ele entende que é prematuro emitir parecer sem estudos e levantamento técnico”.
Um projeto semelhante foi sancionado pelo prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), após o vereador da cidade, Marcos Pinchiari (PTB), protocolar um Projeto de Lei (PL) em que exige do Samu de Santo André levar, a hospitais particulares, vítimas que possuam convênios.
Conforme informações do secretário de Saúde de Suzano, Luis Claudio Guillaumon, a comparação de um município com outro é “prematuro, pois cada cidade legisla de acordo com o seu interesse”.
Com Informações: Diário de Suzano
Fechar Menu