Suzano abre 8,4 mil vagas para aulas esportivas em 27 modalidades
Foto: Irineu Jr

Suzano abre 8,4 mil vagas para aulas esportivas em 27 modalidades

Inscrições são gratuitas e podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, no Complexo Poliesportivo Paulo Portela

A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer oferece 8.455 vagas gratuitas em aulas de 27 modalidades. As inscrições podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, no Complexo Poliesportivo Paulo Portela, o Portelão (rua Barão de Jaceguai, 375 – Centro). Para mais informações, os interessados podem entrar em contato pelo telefone (11) 4746-1886.

No ato da inscrição é necessário apresentar atestado médico, comprovante de endereço, documento de identidade e duas fotos 3×4. Para participar, a idade mínima exigida é de 7 anos. As aulas de algumas modalidades já tiveram início.

As oportunidades estão disponíveis a partir de convênios com entidades e a pasta dispõe da estrutura necessária, com profissionais especializados. Entre as principais atividades estão 1.400 vagas em natação no Parque Max Feffer, 1.323 em futebol de campo, 665 em jiu-jitsu e muay thai, 472 em basquete, 481 em futebol de salão, 468 em judô e 400 em skate.

Além destas, os munícipes também podem se inscrever para participar das aulas de atletismo (184), ginástica rítmica (95), taekwondô (235), aikidô (136), floorball (99), handebol (338), sumô (160), academia ao ar livre (290), badminton (55), damas e xadrez (135), danças populares (140), futebol de areia (250), karatê (178), kendô (160), tênis de mesa (215), melhor idade (120) e pessoas com deficiência (220), capoeira (130), ginástica artística (66) e boxe (40).

De acordo com o secretário municipal de Esportes e Lazer, Arnaldo Marin Junior, o Nardinho, a estrutura esportiva da cidade permite que todas essas atividades possam ser praticadas em vários pontos da cidade. “Seja no Portelão, no Parque Max Feffer ou em outros equipamentos, disponibilizamos muitas oportunidades para os munícipes, em especial os mais jovens, para que possam manter uma rotina próxima ao esporte, pois isso pode ser muito benéfico para a saúde física e mental”, disse.

Segundo o chefe da pasta, outro fator importante que os interessados podem encontrar com a participação nas aulas é o senso de coletividade. “Em todos os esportes, as aulas são ministradas por profissionais capacitados para ensinar não apenas o lado técnico do esporte, como seus valores e princípios. O esporte aliado à educação pode mudar um indivíduo e é esse tipo de transformação que queremos conduzir, mostrando que o respeito é uma das chaves para uma sociedade melhor para todos”, concluiu.

Com Informações: Secop

Fechar Menu