Obra avança a 90% em trecho que vai ligar Mogi e Suzano
No final do ano passado (foto), serviço estava com pouco mais de 70% concluído Foto: Felipe Claro

Obra avança a 90% em trecho que vai ligar Mogi e Suzano

As obras no Corredor Leste-Oeste, que ligará Mogi das Cruzes a Suzano, já está em fase final, com 90% da obra construída, restando, segundo a Prefeitura de Mogi das Cruzes, apenas os trabalhos de acabamento da avenida das Orquídeas, que está sendo feito pelo consórcio responsável pelos trabalhos na via.

As obras no Corredor Leste-Oeste, que ligará Mogi das Cruzes a Suzano, já está em fase final, com 90% da obra construída, restando, segundo a Prefeitura de Mogi das Cruzes, apenas os trabalhos de acabamento da avenida das Orquídeas, que está sendo feito pelo consórcio responsável pelos trabalhos na via.
Em novembro do ano passado, de acordo com a matéria publicada no Mogi News, as obras estavam com 73% dos trabalhos concluídos. Na oportunidade, já eram realizados os acabamentos da avenida das Orquídeas, como pavimentação, construção de calçadas e implantação de ciclovias, além de pintura de faixas e sinalização de segurança. A previsão inicial é de que a obra fosse entregue até o final do ano.
Por ser uma obra grande, ela foi dividida em várias etapas, ou seja, três locais receberam trabalhos, sendo um deles, uma nova via de acesso. A primeira parte já foi concluída, que foi a recuperação da avenida Tenente Onofre Rodrigues de Aguiar. Lá, foi realizada uma nova pavimentação, o local ganhou um canteiro central, pintura e novos equipamentos. Outro local é a avenida Guilherme George, que também está concluída, tendo a avenida duplicada com uma nova pista até a divisa com a cidade de Suzano, além de guias, sarjetas e retorno para veículos.
Atualmente a avenida das Orquídeas está recebendo os trabalhos finais, pois ela será uma nova via de ligação entre os distritos de Braz Cubas e Jundiapeba, paralela à avenida Lourenço de Souza Franco. Ao todo, para a conclusão de todas as etapas que foram e estão sendo realizadas no Corredor Leste-Oeste, houve investimento total de R$ 98,2 milhões.
Justificativa
A Prefeitura de Mogi disse que é importante lembrar que houve um considerável atraso na emissão do licenciamento ambiental da obra por parte do governo do Estado, o que retardou os trabalhos em quase um ano e, diante desta situação, não há atraso na execução do serviço. A administração municipal destacou ainda que o cronograma vem sendo executado normalmente e dentro do planejado.
Com Informações: Portal News
Fechar Menu