Mart’nalia: ‘Tem quem não gosta de preto e não aceita o gay’

Cantora compara repercussão de Tamanco com núcleo gay de Babilônia.

martinalia 2

Faz tempo que Mart’nália deixou de ser apenas a “filha de Martinho da Vila”. Cantora consagrada, ela ainda se aventura como atriz e dá expediente no seriado Pé na Cova, de Miguel Falabella, que voltará a ser exibido na Globo em setembro, com o personagem Tamanco.

Sua música, Pra que Chorar, é o tema de abertura da novela Babilônia, exibida no horário nobre, e ela comemora.

“Já tive umas oito ou nove músicas em novelas. Mas é a primeira de abertura. É uma forma de entrar na casa das pessoas em boa companhia, com Gilberto Braga e outros tantos amigos. Muita gente não sabia que sou eu quem canta e tem gente que nem sabe ainda. Conheci a música pela Alcione. Quando ela gravou com aquela voz poderosa, nunca mais saiu da minha cabeça”, disse Martn’ália ao jornal Extra.

Noveleira assumida, ela comentou as críticas ao núcleo gay de Babilônia.

“Assisto Babilônia quando dá, quando não estou trabalhando. Eu amo todo mundo nesta novela.  Soube que teve estas mudanças, mas estou achando a trama ótima de qualquer forma. Está falando de diversidade, de diferenças. Esta é a vida. Mas é claro que o Brasil é supercareta. Mas nem todo mundo tem que gostar de tudo. Tem gente que não gosta nem de preto, como vai aceitar homossexualidade? Esta rejeição foi só um susto, depois o pessoal vai relaxando. É o susto do medo da igualdade. Antigamente tinham medo de samba também e ele está aí. Mas tudo isso é uma bela contribuição”.

A cantora não se espantou com a repercussão negativa e comparou com a reação do público ao seu personagem em Pé na Cova.

“Acho que já era esperado. O que me surpreendeu mesmo foi a Tamanco, minha personagem no Pé na Cova, ter sido tão bem aceita. É megacontraditório, né? O Miguel Falabella (autor da série) aproxima o público de maneira muito popular. Quando põe humor, as coisas ficam mais leves. Mas o susto da rejeição passa. Só o que não passa é a morte”.

Ansiosa pela volta do seriado Pé na Cova, Martn’ália adianta as novidades de seu personagem.

“Estamos gravando desde fevereiro. Vou lá e faço minha graça com eles, além de aprender um pouco mais dessa arte. A Tamanco vai sofrer um bucado. Ela arma tanto que sofre. Vai ter uma filha que é chinesa. Elas fizeram uma inseminação artificial e a menina saiu chinesa. Mas a gente ama do mesmo jeito, com qualquer diferença. Ninguém pode falar mal da família, só quem tá dentro dela. É muito bom estar numa família feliz, onde todos se amam. Toda família tem um viciado, um veado, uma sapatão”.

Fonte: O Fuxico

Deixe uma resposta

Fechar Menu