Doações de sangue em Suzano aumentam 64% no primeiro semestre

Mesmo assim, Banco de Sangue precisa de doações de sangue tipo O.
Nos meses de junho e julho, doações caem por conta do inverno.

doador_de_sangue

No primeiro semestre de 2016, as doações no Banco de Sangue de Suzano aumentaram em 64% se comparadas com o mesmo período do ano passado. O gestor administrativo Marco Antônio Garcia, porém, dissse que não fica otimista com o aumento, uma vez que as demandas são sazonais e as necessidades de doações variam de acordo com cada tipo sanguíneo.

Entre janeiro e junho de 2015, foram 3.236 doações. Já nos ses primeiros meses de 2016, o número saltou para 5.334 doadores.

Além disso, Garcia ressalta que, nos meses de inverno, o número de doações costuma diminuir. “Em junho e julho os nossos estoques sofrem uma baixa. Em média, em períodos de normalidade, recebemos 60 doadores por dia. Nesse mês de junho, estávamos operando quase com a metade da nossa capacidade, recebendo em torno de 30 a 40 doadores por dia.”

O coordenador do Banco de Sangue reforça a importância das doações, principalmente de quem tem sangue tipo O. “Fizemos uma campanha algumas semanas atrás e tivemos bastante doadores, só que muitos tinham o sangue tipo A. Foi bom porque suprimimos nosso estoque para este tipo sanguíneo, mas sentimos falta de doações de sangue tipo O positivo e negativo que são mais raros. A nossa demanda é diária, então, em uma semana, por exemplo, o meu estoque de sangue tipo A que estava cheio, pode acabar e eu ainda continuo com o sangue tipo O em falta.”

Para doar sangue, o voluntário precisa ter entre 18 e 69 anos. Os jovens de 16 a 18 anos incompletos podem doar sangue com o consentimento dos responsáveis. É preciso também pesar mais de 50 quilos, estar bem alimentado e ter dormido, no mínimo, seis horas na última noite.

O Banco de Sangue de Suzano funciona na Santa Casa da cidade, mas as doações também são distríbuidas para outros hospitais da região onde houver pacientes que precisem de transfusão. A Santa Casa de Suzano, assim como os hospitais Santa Marcelina de Itaquaquecetuba, Hospital Municipal de Poá, Hospital Estadual de Ferraz de Vanconcelos, Hospital de Mogi das Cruzes e a Santa Casa de Mogi também recebem bolsas de sangue atráves da Fundação Pró-Sangue, que gerencia as doações em mais de 100 hospitais pelo Estado de São Paulo.

Em toda a região do Alto Tietê são apenas dois pontos de doações. Além da Santa Casa de Suzano, a Santa Casa de Mogi das Cruzes também recebe doações. Segundo a coordenação do Banco de Sangue de Mogi, por conta do acidente que deixou 18 mortos na Mogi-Bertioga, houve um aumento de 30% no número de doações.

O Banco de Sangue de Suzano fica na Avenida Antônio Marquês Figueira, 1861. O telefone para maiores informações é o 4752-9999. As doações podem ser feitas das 8h às 13h.

Já o Banco de Sangue de Mogi fica na Rua Barão de Jaceguai, 1148 Centro. O atendimento é das 7h30 às 12h e o telefone para maiores informações é o 4728-4700, no ramal 4245.

Com Informações: G1 Mogi das Cruzes e Suzano

Deixe uma resposta

Fechar Menu