Condemat apresenta 200 novos casos de pacientes para AACD de Mogi das Cruzes

Consórcio tenta viabilizar atendimentos de outras cidades do Alto Tietê na unidade que atualmente atende apenas pacientes de Mogi das Cruzes.

Representantes das secretarias de Saúde do Alto Tietê se reuniram nesta quarta-feira (7), com a diretoria da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD ), na sede do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Codemat), através da Câmara Técnica de Saúde.

Em pauta estava o atendimento de pacientes de outros municípios, na unidade da AACD em Mogi das Cruzes.

Durante a reunião, a região apresentou uma demanda inicial de 200 novos casos para assistência. A expectativa é de que a parceria com o Alto Tietê seja viabilizada até meados do segundo semestre e será a primeira experiência da AACD com um consórcio.

As prefeituras terão até o próximo dia 19 para entregar à AACD os relatórios médicos com laudos dos pacientes da demanda inicial.

Com esse material disponível, a diretora médica da entidade, Ana Beatriz Proença Tarran, informou que fará um mutirão de triagem para identificar os casos elegíveis para a AACD e indicar as terapêuticas necessárias. “Foi apresentado um primeiro levantamento de pacientes que serão encaminhados para a AACD para passar pela nossa triagem. Aí sim saberemos quantos pacientes novos vão ingressar na instituição e calcular quantos profissionais serão necessários e o custo desse atendimento”, explicou a diretora médica.

Atualmente, a AACD atende a 192 pacientes de Mogi das Cruzes. A demanda apresentada pelos outros municípios – Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Poá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano – corresponde a praticamente o dobro.

A direção da entidade ressaltou que as instalações físicas comportam a futura ampliação do atendimento, requerendo apenas a contratação de mais profissionais. “Avançamos hoje em duas frentes importantes. A primeira com 10 cidades fomentando a vontade de fazer parte do consórcio com a AACD e a apresentação da demanda de pacientes para triagem na instituição. Acreditamos que até o final do mês tenhamos uma resposta da AACD sobre os pacientes elegíveis e o custo disso. Na outra frente, foi entregue ao Departamento Jurídico do Condemat o esboço do consórcio de saúde para ser discutido com o Conselho de Prefeitos e depois remetido às câmaras municipais das cidades para aprovação”, explicou o coordenador da Câmara Técnica de Saúde do Condemat, Marcelo Cusatis.

Ele adiantou que o novo consórcio possibilitará a assinatura do convênio com a AACD, com uma cota de pacientes/custo para cada cidade participante. “Estamos andando de maneira organizada e se tudo correr sem tropeço, acreditamos que em setembro os pacientes das cidades do Alto Tietê estarão sendo atendidos na AACD”, estimou Cusatis, que é secretário de Saúde de Mogi das Cruzes.

Além da AACD, o futuro consórcio de saúde possibilitará a articulação regional para aquisição de medicamentos e procedimentos de média e alta complexidade, como exames e cirurgias. No caso do convênio com a AACD, a princípio apenas Guarulhos não deverá participar.

Histórico

A AACD de Mogi das Cruzes está em atividade desde 2011. Além de Mogi, até o final do ano passado eram atendidos também os pacientes de Guararema e Poá, que mantinham convênio com a entidade. Por questões internas, a AACD decidiu não renovar os contratos com os dois municípios e, atualmente, apenas os 192 pacientes mogianos são tratados na unidade.

Com Informações: G1 Mogi das Cruzes e Suzano

Deixe uma resposta

Fechar Menu