Cidades do Alto Tietê recebem programação do Circuito Sesc no próximo fim de semana

Evento passará por seis cidades da região com atrações gratuitas. Programação segue até o dia 6 de maio.

 

A partir do próximo sábado (29), o Alto Tietê será palco para a programação do Circuito Sesc de Artes. Reunindo música, teatro, dança, entre outras intervenções artísticas, o evento será realizado em Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá e Suzano. As apresentações começam sempre às 16h e seguem até o dia 6 de maio. A entrada é gratuita.

Guararema

Em Guararema, que receberá as atrações no sábado (29),estão previstas apresentações musicais, teatrais e danças, além da exibição de curtas de Charles Chaplin. A música ficará por conta do “Bando de Palhaços”, que vai apresentar sucessos das marchinhas de carnaval e funks de diferentes fases. Haverá danças de ritmos brasileiros, como o frevo, o cavalo marinho, o maracatu, o xote, o baião e o coco com o show “Fuá”. As apresentações ocorrem na Parque do Lazer Professora Deoclésia de Almeida Mello.

Outra atividade já confirmada é a encenação de Georgette Fadel em “O Canto das Mulheres do Asfalto”. As atrizes e os atores se apresentam em cima das árvores, de onde entoam cantos, alternando-se em muitos personagens e dando voz a diversas mulheres – mães e filhas, santas, prostitutas, velhas e moças.

Já Núcleo Artístico Confraria dos Ventos e a Companhia Soniquete Arte Flamenca vão apresentar um espetáculo que traz o flamenco e a dança brasileira, juntos, através da dança contemporânea.

 
Suzano e Mogi

Suzano e Mogi das Cruzes terão o mesmo roteiro, mas em dias diferentes. A primeira cidade receberá as atrações na Praça Cidade das Flores, no sábado (29). Em Mogi, as atividades serão realizadas no domingo (30), no Parque da Cidade.

Entre as atrações estão os Poetas Ambulantes que, com a ajuda de megafones, vão declamar poesias e letras de música para o público. A dupla Jorge Ribeiro e Zuza irá apresentar o número “O Ritual das Esferas”, que inclui um instrumento de sopro australiano e coreografias de malabaristas.

As cidades ainda receberão o grupo Muovere de dança contemporânea, que vai apresentar o espetáculo “Desvio”. Durante o jogo de improvisação, os bailarinos transitam pela faixa de pedestre e respondem tarefas, ao mesmo tempo que desenvolvem passos de dança.

Um dos destaques a apresentação da dupla Caju e Castanha. Durante a improvisação de versos, os dois fazem sátiras com rock, brega e música eletrônica.

Além deles, os municípios ainda devem receber o espetáculo “QFC – Batalhas Improvisadas”. A apresentação é um misto de luta livre, telecatch, UFC e muita improvisação. Os palhaços sobem ao ringue para se enfrentarem em batalhas. A banda compõe a trilha durante o espetáculo e os palhaços capricham no figurino.

Outra atividade que o Circuito Sesc levará para Mogi e Suzano é “Laboratório Interativo de Tranquitanas, Engenhocas e Outros Inventos”. Nessa intervenção, o público vai poder montar esculturas tecnológicas, com engrenagens e motores.

Ferraz de Vasconcelos

Em Ferraz de Vasconcelos, as apresentações devem ser realizadas no domingo (30), na Praça Carlos Afonso Fernandes. O roteiro é extenso, e inclui repertório folk e bluegrass da banda Mustache e os Apaches e também o número dos bailarinos da Cia Domínio Público.

Durante o espetáculo eles se empurram e puxam, se atacam e se esquivam em um jogo que destaca a dependência dos corpos. A trilha sonora é feita ao vivo por um contrabaixista.

O público ainda poderá participar da instalação interativa “Cine Dance”, em que, com fones de ouvidos, os participantes reproduzem coreografias de filmes, como as de Dirty Dancing.

Durante o dia ainda ocorre a apresentação do sarau “De Tempo Somos”, do grupo Galpão. A atração celebra o encontro da música com o teatro e os atores cantam e executam ao vivo canções de espetáculos antigos e recentes, além de músicas inéditas. Trechos de textos de autores como Tchekhov e José Saramago completam a apresentação.

Itaquaquecetuba

O Circuito Sesc passará pela Praça João Álvares, em Itaquaquecetuba, no dia 6 de maio. Na ocasião, os visitantes poderão acompanhar uma oficina de bonecos de corda. Nesta atração, o ator cenógrafo e bonequeiro ensinará o público a produzir as peças.

A literatura será representada pelo projeto “Palavra + Imagem”, do grupo ‘Êba!’. A atividade terá um acervo de livros ilustrados, que serão oferecidos por uma dupla de mediadores para leituras individuais e compartilhadas.

Outra atração para quem gosta dos livros é o “Prazer, Poesia!” da Cia Patética, que leva a boneca poesia para conversar com o público sobre os livros que conhecem.

Pensando na participação cidadã e no debate no espaço público, o “Projeto Pergunta” é uma intervenção que propõe perguntas às pessoas, que devem respondê-las com outras perguntas. As questões selecionadas são montadas com letras carimbadas e expostas em uma estrutura móvel pela cidade.

O coletivo Desvelo apresenta o “Praça Dança”, que demonstra uma ideia de epidemia, em que os corpos dos artistas e das pessoas que transitam pelo espaço são “contaminadas” por movimentos.

A música será de responsabilidade do Clube do Balanço, que apresenta a “Roda de Balanço” e do DJ Pita Uchôa, que é organizador de festas de músicas brasileiras em espaços públicos.

Poá

Também no dia 6 de maio, o Circuto Sesc passará por Poá, levando atrações à Praça da Bíblia, que fica na Rua Vicente Guida Entre as atrações, está a exposição “Splashcletas” com bicicletas adaptadas funcionam como máquinas de pintura. A atração é interativa e o público poderá aplicar tinta nas peças.

O Grupo Girino apresentará o “Miniteatro de Sombras”, apresentado em pequenas caixas. O espectador assistirá à apresentação espiando em um olho mágico.

Marcadores de livros frutificam nos galhos de uma árvore na instalação “Pé da Letra”, do coletivo Muda Práticas. Os leitores poderão ler frases poéticas impressas e conhecer obras de autores como Cecília Meireles, Manoel de Barros, entre outros.

Os apreciadores do ilusionismo contam com uma atração especial. O ilusionista Mario Kamia transforma a caixa no elemento principal de seu espetáculo.

Já a voz é o instrumento principal do sexteto “Ordinários”. Executado a capella e enriquecido com alguns instrumentos, o grupo apresenta um repertório que visita gêneros brasileiros e internacionais.

A música também é promovida pelo DJ Pardí, que já tocou nas principais casas e eventos de São Paulo. Já a dança é atração do Ballet Afro Koteban, que apresenta o espetáculo “Encontro Atlântico”.

No site do Circuito Cultural é possível obter mais detalhes sobre a programação, que acontecem em todo o Estado.

 

Dia 29 de abril

  • Guararema

Onde: Parque do Lazer Professora Deoclésia de Almeida Mello

  • Suzano

Onde: Praça Cidade das Flores

Dia 30 de abril

  • Mogi das Cruzes

Onde: Parque da Cidade

  • Ferraz de Vasconcelos

Onde: Praça Carlos Afonso Fernandes

Dia 6 de maio

  • Itaquaquecetuba

Onde: Praça João Álvares

  • Poá

Onde: Praça da Bíblia

Com Informações: G1 Mogi das Cruzes e Suzano

Deixe uma resposta

Fechar Menu