Após Mastercard, Ambev também desiste de expor marcas na Copa América
Foto: Reprodução

Após Mastercard, Ambev também desiste de expor marcas na Copa América

Competição de seleções é cercada de polêmicas devido à pandemia

Dona de marcas como Brahma, Skol e Budweiser, a multinacional Ambev desistiu de se expor na Copa América. A Mastercard também havia tomado a mesma atitude.

“A companhia segue com seu compromisso e apoio ao futebol brasileiro”, disse a cervejaria em nota nesta quarta-feira (9). “Após análise criteriosa, decidimos por não ativar nosso patrocínio à Copa América no Brasil”, diz nota da Mastercard.

A Ambev não informou se o patrocínio irá continuar. A Mastercard disse que sim.

Entenda

A princípio, a Argentina iria sediar a Copa América juntamente com a Colômbia. No entanto, devido aos problemas políticos e sociais que o país vinha enfrentando, os hermanos assumiram a responsabilidade sozinhos. No dia 30 de maio, devido ao agravamento da pandemia de coronavírus, a Argentina deixou de ser sede.

Já no dia 31, a entidade desportiva anunciou que o campeonato será disputado no Brasil, com início para junho. Conforme a Conmebol, o governo brasileiro e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) viabilizaram a decisão. O fato gerou muita polêmica.

Com Informações: O Tempo

Fechar Menu