40 mil funcionários terão curso antirracismo no Extra, Ponto Frio e Casas Bahia
Fotos: reprodução

40 mil funcionários terão curso antirracismo no Extra, Ponto Frio e Casas Bahia

A via varejo informou que o curso antirracismo está sendo contratado e desenhado pelo time de diversidade e será dado aos colaboradores até março do ano que vem.

No Dia da Consciência Negra, a maior rede de lojas de eletrodomésticos do Brasil assinou um manifesto antirracista para tratar do assunto com a seriedade que ele merece e anunciou que vai dar um curso antirracismo para treinar e capacitar os 40 mil funcionários e colaboradores que atendem clientes em todo o país.

A informação foi dada ao SóNotíciaBoa pela direção da Via Varejo, conglomerado que une Casa Bahia, Ponto Frio e Extra.

O garoto propaganda da ação é o gerente Bruno Mendes. Ele foi vítima de injúria racial por parte de dois idosos no último fim de semana, no Ponto Frio do GV Shopping, em Governador Valadares, Minas Gerais e os funcionários fizeram uma linda homenagem em apoio ao chefe.

“Existe o “querer fazer” e o “decidir fazer” e nossa empresa dá mais um belo exemplo em “decidir fazer”, disse Bruno Mendes ao SóNotíciaBoa.

No vídeo que dá início à campanha, postado no Instagram, Bruno comemora que todos na empresa serão os novos antirracistas brasileiros:

“Respeito é um princípio que não abrimos mão, é um valor inegociável. O Ponto Frio já treina todos os seus funcionários, e agora daremos um passo além com um curso sobre Antirracismo […] Todos os 40 mil funcionários da @viavarejo serão novos antirracistas!”, disse Bruno na legenda do vídeo.

O curso

A via varejo informou que o curso antirracismo está sendo contratado e desenhado pelo time de diversidade e será dado aos colaboradores até março do ano que vem.

“Essa pauta já faz parte do nosso dia a dia […] Aqui, respeito e diversidade são levados à sério. É o que nos move e nos ajuda a ver um mundo melhor à frente”, afirmou Roberto Fulcherberguer, CEO na Via Varejo.

Com Informações: Sonoticiaboa

Fechar Menu