Vacaloca vai apresentar recursos para ser reaberto
Foto: Jamile Santana/G1

Vacaloca vai apresentar recursos para ser reaberto

Interditado em tempo indeterminado, a casa de shows Vacaloca deve apresentar, ainda nesta semana, recursos para voltar a funcionar. A casa continua com os seus próximos shows marcados para fevereiro, sendo o primeiro programado para o dia 8. 

O impedimento ocorreu após o Tribunal de Justiça (TJSP) suspender a liminar do Juiz de Direito Fabricio Henrique Canelas, da 3ª Vara Cível, que havia liberado o funcionamento da casa noturna, após o Ministério Público (MP) ter realizado uma ação civil contra o estabelecimento no ano passado.
No documento da Ação Civil Pública do MP, que fez com que a terceira Vara Cível de Mogi das Cruzes paralisasse o estabelecimento, apontava irregularidades de estrutura, falta de sistemas de segurança e instalações elétricas comprometidas, além de autuações da Prefeitura de Mogi das Cruzes.
Na época, o juiz havia determinado uma interdição imediata no local, até que o estabelecimento realizasse diversas vistorias, caso elas não fossem providenciadas, receberia uma multa no valor de R$ 100 mil para cada show realizado sem o cumprimento das mudanças. No entanto, as alterações foram realizadas e a casa conseguiu uma liminar.
De acordo com o advogado do Vacaloca, Fábio Simas, entre hoje e quarta-feira os recursos vão ser apresentados, mas o representante está confiante sob a decisão. “A casa realizou todos os reparos apontados, hoje não há mais problemas.
Tanto que um novo Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) foi expedido este mês. Se tivesse alguma coisa errada, não conseguiria o documento”, disse.
A casa continua com os seus próximos shows marcados para fevereiro, sendo o primeiro programado para o dia 8.
Com Informações: Portal News
Fechar Menu