Testes comprados pela região chegam até dia 31 de maio
HUGO BARRETO/METRÓPOLES

Testes comprados pela região chegam até dia 31 de maio

Os equipamentos que serão distribuídos para os dez municípios da região, tinham uma previsão de serem entregues na terça-feira passada, o que não ocorreu.

Os 18 mil testes rápidos para identificar o coronavírus (Covid-19) solicitados pela Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) poderão chegar até o final do mês. Os equipamentos que serão distribuídos para os dez municípios da região, tinham uma previsão de serem entregues na terça-feira passada, o que não ocorreu.
De acordo com o consórcio, não houve uma justificativa para o atraso, pois o prazo se estende por 30 dias, sendo o dia 5 apenas uma previsão de entrega. Foram adquiridos, no total, cerca de 18 mil testes, que estão sendo negociados no valor de R$ 1.659.840, que serão pagos após a conclusão da distribuição dos equipamentos aos municípios.
Quatro cidades da região explicaram que continuam esperando os equipamento que irão somar ao combate contra a Covid-19. Em Itaquaquecetuba, a Prefeitura explicou que o atraso dos 4 mil equipamentos não deve afetar as ações contra o coronavírus, já que o município também recebeu kits do governo federal.
Já Poá esperava a entrega dos 2 mil testes do Condemat, para utilizar no Hospital de Campanha. Os equipamentos devem somar com os 1,5 mil kits que a Prefeitura já havia comprado.
Suzano e Mogi haviam adquiridos 4 e 5 mil testes, respectivamente, por meio do Condemat. Mas enquanto não é feito a distribuição dos equipamentos solicitados pelo consórcio, a Prefeitura de Suzano apontou que 2 mil testes já foram entregues por meio do Estado, que estão sendo utilizados.
Mogi explicou também que continua esperando os equipamento e que no momento está utilizando os kits de testes rápidos adquiridos pela Organização Social (OS) Fundação do ABC.
Com Informações: Portal News
Fechar Menu