Prefeitura de Suzano promove campanha de prevenção à hanseníase

A ação será desempenhada até o próximo dia 31 (terça-feira), nas 22 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da cidade, das 8 às 17 horas, com a busca ativa de sintomas, além da conscientização dos munícipes sobre a importância de tratamento precoce.

A Prefeitura de Suzano, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, promove durante todo o mês de outubro a campanha de prevenção à hanseníase – doença bacteriana popularmente conhecida como lepra. A ação será desempenhada até o próximo dia 31 (terça-feira), nas 22 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da cidade, das 8 às 17 horas, com a busca ativa de sintomas, além da conscientização dos munícipes sobre a importância de tratamento precoce.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, o médico Luis Claudio Rocha Guillaumon, todas unidades de saúde contam com profissionais preparados para reconhecer os sintomas da lepra, como manchas avermelhadas ou esbranquiçadas que têm dificuldade de cicatrização, presença de nódulos e perda de força muscular.

O gestor lembra, ainda, que os casos suspeitos são encaminhados ao Ambulatório de Especialidades “Doutor Joracy Cruz” (rua Kazuo Kajiwara, 33 – Parque Santa Rosa) para receberem acompanhamento por parte de um especialista em Dermatologia. Se a doença é confirmada, a pessoa é encaminhada, de prontidão, ao início do tratamento.

Para os casos que sinalizam mais de cinco manchas pelo corpo, também são indicadas sessões de medicação mensais com um dermatologista, no Ambulatório Especializado, e posterior tratamento em casa, após alta clínica. O processo dura em média um ano. Todos os remédios são fornecidos gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A Secretaria de Saúde de Suzano informa que não existe perigo de propagação da doença desde que seja iniciado o tratamento. Com a administração de medicamentos adequados, o bacilo causador da enfermidade perde força – logo, o paciente não precisa ser afastado de suas atividades rotineiras, nem do convívio social, durante a terapia médica. No entanto, como procedimento padrão do Ministério da Saúde, todas as pessoas próximas ao portador da hanseníase são submetidas a exames preventivos.

Com Informações: Portal Prefeitura de Suzano

Deixe uma resposta

Fechar Menu