Prefeitura de Suzano embarga aterro clandestino em Palmeiras

Após denúncia anônima, agentes flagraram uma área de 7 mil metros quadrados que era alvo de descarte irregular de entulho e materiais inservíveis

Uma ação integrada da Prefeitura de Suzano que envolveu a Guarda Civil Municipal (GCM) e o Departamento de Fiscalização Ambiental embargou, na tarde desta sexta-feira (24/11), um aterro clandestino na Estância Americana, no distrito de Palmeiras. Após denúncia anônima, os agentes de segurança e fiscalização municipal flagraram uma área de aproximadamente 7 mil metros quadrados que era alvo de descarte irregular de entulho e materiais inservíveis.

O terreno é protegido legalmente por se tratar de uma Área de Proteção Ambiental (APA). No local, não foram encontradas máquinas ou caminhões executando os procedimentos ilícitos. A administração municipal registrou um Boletim de Ocorrência (B.O.) por crime ambiental.

De acordo com o prefeito Rodrigo Ashiuchi, abordagens desse tipo estão sendo intensificadas na cidade, principalmente em regiões protegidas por leis ambientais, localizadas em áreas rurais de Suzano. As equipes que desempenham este trabalho atuam no sentido de punir criminosos que operam máquinas ou caminhões que despejam entulho ou qualquer outro tipo de lixo irregularmente.

De acordo com o Setor de Fiscalização Ambiental de Suzano, a multa aplicada por descarte irregular de entulho em área de preservação pode chegar a R$ 15 mil cada.

Com Informações: Portal da Prefeitura de Suzano

Deixe uma resposta

Fechar Menu