Prefeito cobra inclusão de Suzano como município de Interesse Turístico

Ashiuchi reiterou pedido durante reunião do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat); vice-prefeito Walmir Pinto, também participou do encontro, que contou com a participação do secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Laércio Benko

 

O prefeito de Suzano-SP, Rodrigo Ashiuchi, acompanhado de seu vice, Walmir Pinto, participou na manhã desta quarta-feira (22 de março) da 3ª reunião ordinária do Conselho de Prefeitos do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat). O encontro contou com a presença do secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Laércio Benko, e dos deputados estaduais que integram a Frente Parlamentar de Apoio aos Municípios do Alto Tietê. Na ocasião, o chefe do Poder Executivo fundamentou para ao secretário a importância de Suzano ser classificada como Município de Interesse Turístico (MIT).

Durante as tratativas, também foi solicitado apoio para o fomento do potencial turístico da cidade, com direito a investimentos em sinalização nas rotas existentes, bem como a retomada de programas como o “Roda SP”, que proporciona passeios a custos reduzidos. O programa Município de Interesse Turístico, criado recentemente pelo Governo do Estado de São Paulo, vai selecionar 140 cidades para receber recursos anuais para o desenvolvimento do setor.

Os pedidos do MIT devem ser protocolados por meio de deputados estaduais, levando em conta aspectos como a atuação de um Conselho Municipal de Turismo, a existência de um plano diretor de turismo e o desenvolvimento de um inventário turístico.

Suzano preenche todos os requisitos. O deputado estadual André do Prado, coordenador da Frente Parlamentar de Apoio aos Municípios do Alto Tietê, informou que os deputados da região já apresentaram, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), as solicitações de algumas prefeituras locais.

Benko afirmou que o novo modelo implantado pelo Estado visa promover a competição e o fomento permanente entre as cidades. Para tanto, a partir de 2018, será implantado um sistema de ranking, no qual as três últimas colocadas, entre as 70 estâncias turísticas, serão rebaixadas. Já os três melhores MITs serão elevados à condição de estância (o repasse de recurso é maior).

Com Informações: Portal da Prefeitura

Deixe uma resposta

Fechar Menu