Os vencedores do 25º Prêmio da Música Brasileira

PREMIO

Na noite de ontem (14), aconteceu a cerimônia de entrega do 25º Prêmio da Música Brasileira, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Tradicionalmente, a premiação escolhe um grande nome da MPB para promover uma grande homenagem, Mas, nesse ano, essa homenagem foi reservada ao ritmo que mais representa o Brasil, dentro e fora do país: o samba.

Zélia Duncan – uma das apresentadores do ano passado – escreveu o texto que homenageia o estilo. “Ele é nosso berço, nosso pai, nosso amor, nossa felicidade clandestina (…) Com apenas cinco letras, balança os seis continentes desde os primeiros compassos. (…) O nome dele é samba”, diz um pequeno trecho, que foi lido por Gilberto Gil.

O Prêmio também parou para homenagear os artistas que morreram nos últimos meses. Nelson Ned, Reginaldo Rossi, José Wilker, Dominguinhos, Oscar Castro Neves, Jair Rodrigues e Alexandre Pessoal, filho de Erasmo Carlos, foram lembrado. Quando foi citado o nome de Jair, o telão apresentou o discurso que o cantor fez, quando foi homenageado pelo PMB, em 2006.

OS VENCEDORES

A dupla Ângela Maria e Cauby Peixoto foi o grande destaque nas categorias de canção popular. Eles dividiram o prêmio de Melhor Álbum, com sua pareceria no disco “Reencontro”. Além disso, foram deles os troféus de Melhor Cantora e Melhor Cantor, respectivamente. Com mais de 40 anos de estrada, Chitãozinho & Xororó se sagraram com o prêmio de melhor dupla e o Monobloco foi eleito o melhor grupo.

Nas categorias que contemplam pop, rock, reggae, hip-hop e funk, o nome de Ney Matogrosso se sobressaiu em relação aos demais. Ele saiu com os troféus de Melhor Cantor e Melhor Álbum, por “Atento Aos Sinais”. Gal Costa levou o prêmio de Melhor Cantor, enquanto a banda Passo Torto foi o Melhor Grupo. No samba, Zeca Pagodinho foi o Melhor Cantor e Alcione, a Melhor Cantora. Em MPB, esses prêmios foram dados a Milton Nascimento e Maria Bethânia, respectivamente.

Confira a lista dos ganhadores do 25º Prêmio da Música Brasileira:

Canção Popular 

Cantor: Cauby Peixoto
Cantora: Ângela Maria
Grupo: Monobloco
Dupla: Chitãozinho & Xororó
Melhor Álbum: “Reencontro” – Cauby Peixoto e Ângela Maria

Projeto Especial 

“Caymmi” – família Caymmi

Álbum eletrônico 

Rodrigo Sha

Álbum em Língua Estrangeira 

“Leila Maria Canta Billie Holiday in Rio” – Leila Maria

Erudito 

“Heitor Villa-Lobos” – Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo

Álbum Infantil 

“Arca de Noé” – Adriana Calcanhotto

Regional

Cantor: Sérgio Reis
Cantora: Patrícia Bastos
Álbum: “Zulusa”, de Patrícia Bastos
Grupo: Quinteto Violado
Dupla: Caju e Castanha

Pop/Rock/Reggae/Hip-Hop/Funk

Cantor: Ney Matogrosso

Cantora: Gal Costa
Álbum: “Atento aos Sinais”, de Ney Matogrosso
Grupo: Passo Torto

Revelação 

Bixiga 70

Canção 

”Samba para João” – Wilson das Neves

DVD

“Criolo & Emicida Ao Vivo”, com Criolo e Emicida

Instrumental

Álbum: “Mundo de Pixinguinha” – Hamilton de Holanda
Solista: Hamilton de Holanda
Grupo: SpokFrevo Orquestra

Arranjador

Gilson Peranzzetta

Projeto Visual

“Arca de Noé” – Adriana Calcanhotto e outros

MPB

Grupo: Boca Livre
Cantor: Milton Nascimento
Cantora: Maria Bethânia
Álbum: “Edu Lobo e Metropol Orkest”

Samba

Canção: “Se Me Chamar, Ô Sorte” – Wilson das Neves.
Grupo: Sururu na Roda
Cantor: Zeca Pagodinho
Cantora: Alcione

Fonte: Portal Sucesso

Deixe uma resposta

Fechar Menu