Mogi recebe unidade móvel da EDP para troca de lâmpadas de maior consumo por LED
Foto: Eduardo Rodrigues/EDP

Mogi recebe unidade móvel da EDP para troca de lâmpadas de maior consumo por LED

A unidade móvel “Led Truck”, ficará estacionada na Praça Largo do Rosário, no Centro da cidade, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h e, aos sábados, das 9h às 13h.

Moradores de Mogi das Cruzes poderão trocar lâmpadas de maior consumo por LED, a partir desta segunda-feira (16), por meio do projeto Eficiência Solidária da EDP, distribuidora de energia elétrica do Alto Tietê.

Os clientes poderão fazer a troca das lâmpadas até o dia 28 de setembro ou até terminarem os estoques. Serão distribuídas 600 senhas por dia.

A unidade móvel da EDP, o “Led Truck”, ficará estacionada no Largo do Rosário, no Centro da cidade, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h e, aos sábados, das 9h às 13h.

O “Led Truck” é autossustentável, funciona com 100% de energia solar e lâmpadas de LED. O design foi feito pelo artista mineiro Baba Jung, conhecido por suas pinturas em vagões de trens.

De acordo com a empresa, a ação tem como objetivo incentivar a utilização correta e segura da energia elétrica.

Além das lâmpadas, serão entregues informes educativos sobre o uso seguro e eficiente da energia e, ao final do programa, 250 lâmpadas LED tubular serão doadas a instituições sociais do Alto Tietê.

“O projeto Eficiência Solidária traz uma economia real para os clientes com a substituição das lâmpadas, já que a iluminação pode representar cerca de 15% da conta de luz dependendo do hábito de consumo da família. Além disso, o programa cumpre um papel social importante, de reforçar a conscientização sobre o uso racional e seguro da energia elétrica e dos recursos naturais”, afirma o gestor executivo da EDP, Luciano Cavalcante.

Como participar do projeto Eficiência Solidária

Para participar do programa, é necessário ser cliente residencial da EDP de Mogi das Cruzes e estar com as contas de luz em dia.

Na troca das lâmpadas, o cliente deve levar a última fatura de energia e documento de identidade. Caso o morador não seja o dono da instalação, é necessário apresentar um comprovante do documento do titular.

No local, o consumidor entrega até cinco lâmpadas incandescentes, halógenas ou fluorescentes compactas (de maior consumo), que estejam em funcionamento e recebe a mesma quantidade de LED.

Caso esteja inscrito para receber a fatura de energia por e-mail ou realizar o cadastro no ato da troca, o consumidor ganhará uma lâmpada bônus.

O projeto Eficiência Solidária faz parte do Programa de Eficiência Energética – PEE da EDP, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Com informações: G1

Fechar Menu