Mãe se passa pela filha, marca encontro e ajuda na prisão de suspeito de pedofilia em Suzano

Homem de 54 anos mandava mensagens para criança de 8 anos. De longe, ela conseguiu anotar a placa do carro e entregou para a polícia, que localizou endereço.

Polícia de Suzano prendeu temporariamente um homem de 54 anos por suspeita de pedofilia nesta terça-feira (30). Ele teria enviado mensagens com conteúdo pornográfico para o celular de uma menina de apenas 8 anos. A mãe dela viu as mensagens e registrou um boletim de ocorrência. Ela se passou pela menina até marcar um encontro. Enquanto trocavam mensagens, o homem ainda procurou as amigas da menina pelas redes sociais.

De acordo com a delegada da Mulher, Silmara Marcelino, a mãe da menina foi até o local marcado para o encontro, mas não encontrou com o homem. De longe, ela conseguiu anotar a placa do carro do suspeito e, com isso, a Polícia Civil chegou até o seu endereço, na Cidade Tiradentes, em São Paulo e apreendeu computadores e celulares com conteúdo pornográfico.

Até a prisão do suspeito, a mãe da menina se passou pela filha e conversava com o pedófilo por meio de um aplicativo de mensagens no celular. Durante as conversas, ele pedia fotos da menina de calcinha e dizia ter interesse em manter relações com a criança.

A delegada explicou que a mãe ajudou na investigação, mas em casos como esse é bom que a polícia esteja ciente do que está acontecendo. “Foi ótimo o que ela fez porque conseguimos reunir provas contra ele. O correto é procurar a delegacia, como ela fez, e registrar um boletim de ocorrência e não se apresentar no encontro.”

 O pedido da prisão temporária foi cumprido na casa do suspeito, em São Paulo. “Ele se fez de desentendido e disse que não imaginava que isso poderia ser crime”, conta a delegada.

O G1 busca contato com a defesa do suspeito.

Com Informações: G1 Mogi das Cruzes e Suzano

Deixe uma resposta

Fechar Menu