Luiz Vieira, compositor e radialista, morre aos 91 anos
Foto: Reprodução Facebook

Luiz Vieira, compositor e radialista, morre aos 91 anos

Cantor estava internado no Rio de Janeiro após ter passado mal em casa. Autor de mais de 500 músicas, o compositor já teve obras gravadas por nomes como Caetano Veloso, Nara Leão, Taiguara, Hebe Camargo, Elba Ramalho, Sérgio Reis, Rita Lee e Maria Bethânia, entre outros nomes.

Luiz Vieira, compositor, radialista e cantor, morreu nesta quinta (16/01/2020), aos 91 anos, no Rio de Janeiro. Pernambucano radicado no RJ, o artista estava internado na Casa de Saúde José, no Rio, teve uma parada cardíaca e não resistiu, de acordo com o jornal O Globo.

Nascido em Caruaru (PE), Vieira mudou-se para o Rio ainda na infância. Autor de mais de 500 músicas, o compositor já teve obras gravadas por nomes como Caetano Veloso, Nara Leão, Taiguara, Hebe Camargo, Elba Ramalho, Sérgio Reis, Rita Lee e Maria Bethânia, entre outros nomes.

São dele sucessos como Prelúdio para Ninar Gente Grande (Menino Passarinho) e Paz do Meu Amor. Em 2018, Vieira foi tema de um show de homenagem em São Paulo, com presença de Zeca Baleiro, Maria Alcina, Sérgio Reis, Renato Teixeira e outros cantores. O tributo também ganhou formato em disco.

No rádio, Vieira ganhou fama ao apresentar Salve o Baião com Luiz Gonzaga, mestre do gênero.

Com Informações: Metrópoles

Fechar Menu