Larissa Ashiuchi e Assistência Social discutem medidas de apoio à população vulnerável
Foto: Divulgação

Larissa Ashiuchi e Assistência Social discutem medidas de apoio à população vulnerável

Reunião teve o objetivo de alinhar ações de apoio às pessoas em situação de rua e que também vivem em vulnerabilidade social

A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Suzano, a primeira-dama Larissa Ashiuchi, se reuniu nesta sexta-feira (15/01) com o secretário municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Geraldo Garippo, para alinhar os trabalhos acerca do bem-estar das pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade. Entre os assuntos estavam projetos de banco de alimentos, de capacitação e de reinserção no mercado de trabalho.

Na reunião, que ocorreu no Centro Unificados de Serviços (Centrus), as autoridades selaram a união dos órgãos para execução de uma série de ações que vão ser colocadas em prática nas próximas semanas. Uma delas, inclusive, teve início imediato: trata-se do trabalho de acolhimento das pessoas que vivem em situação de rua.

Garippo detalhou que a Assistência Social efetua desde o dia 4 de maio do ano passado o serviço de acolhimento emergencial de pessoas em situação de rua, durante o período de pandemia do novo coronavírus (Covid-19), no Complexo Poliesportivo Paulo Portela, o Portelão. No local, os cidadãos recebem atendimento médico, passam por testes de saúde e tratamentos necessários.

Agora, em parceria com o Fundo Social de Solidariedade e o Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe), os cidadãos em condição de vulnerabilidade poderão ser encaminhados para cursos profissionalizantes gratuitos. Larissa explicou que esse trabalho, na verdade, também terá um braço da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, isso porque, a partir das vagas abertas, será possível ter uma noção de quais são as principais exigências de mão de obra e, desta forma, os cursos serão aplicados naquela determinada área.

Com o cadastro dos munícipes que mais precisam e com a oferta dos cursos, os órgãos sociais, então, deverão encaminhar os currículos ao setor do projeto Suzano Mais Emprego, com o objetivo de reinserção dos suzanenses no mercado de trabalho. Além disso, na reunião, também foram discutidas políticas de segurança alimentar voltadas à população em extrema necessidade. Foi estabelecida a criação de um banco de alimentos em conjunto com a Diretoria de Agricultura para o combate à fome na cidade. Os dois órgãos já atuavam nestes segmentos, agora o que os dois já faziam será intensificado, somando esforços para ampliar a capacidade de atendimento.

A primeira-dama, por sua vez, agradeceu a parceria com o novo secretário e reforçou que a ideia é que os trabalhos operem de maneira eficiente, com resultados periódicos, a fim de amparar o máximo de pessoas. A esposa do prefeito Rodrigo Ashiuchi concluiu dizendo que deseja prestar todo o apoio: desde a entrega da cesta básica em casos de extrema vulnerabilidade até a capacitação e o encaminhamento ao mercado de trabalho. Larissa se diz otimista com a união, agradecendo o secretário Garippo por todo apoio.

Serviço
O Centro de Referência em Assistência Social (Creas) é responsável por acolher e encaminhar os cidadãos em vulnerabilidade para abrigos e centros adequados. Para informar sobre pessoas em situação de rua que estejam expostas à Covid-19, é necessário ligar para o telefone (11) 4743-2588.

Com Informações: Secop

Fechar Menu