Gabriel Valim: ‘Sonho em cantar com o Roberto Carlos’

Cantor está prestes a lançar o clipe da canção Esquema VIP

gabriel

Recentemente, ele alcançou dois milhões de visualizações com o clipe da canção Blusa Branca e já prepara o lançamento de mais um sucesso intitulado Esquema VIP. Gabriel Valim, que ficou conhecido no mundo da música sertaneja por Piradinha conversou com o site sobre sua vida pessoal e a carreira.

O cantor explicou que a nova canção é algo bem “contagiante” e que ele fez questão de brincar com a sensualidade.

“É uma música pra cima, bem verão, o resultado final, eu gostei, ela foi gravada em um bar temático e a gente escolheu um lugar erótico chamado Valley. Está muito legal, é uma coisa meio que ‘sexy sem ser vulgar’, já que brincamos um pouco com a sensualidade”, disse.

Com o clipe de Esquema VIP sendo esperado para o final do mês de setembro e começo de outubro, Gabriel Valim disse que não é capaz de saber se ela será um sucesso, como foi Piradinha, mas está apostando suas fichas.

“Eu não costumo equiparar música, porque a gente nunca sabe quando as coisas vão acontecer. Por exemplo, todo mundo achava Piradinha um lixo, mas insisti e falei que ia lançar mesmo assim e foi o maior o sucesso. A gente nunca sabe essas coisas, mas o sucesso vem naturalmente”, disse.

Uma coisa que muita gente não sabe é que muitas músicas de Gabriel Valim já ficaram conhecidas na voz de outros cantores como Gusttavo Lima. Porém, ele não liga e até fica feliz com isso.

“Imagina, não tem ciúmes, não. Fico feliz com isso. Hoje, eu componho mais para mim, mas acho que cada música tem o seu endereço. Por exemplo, Gatinha Assanhada era para ser do Gusttavo, a música fechou com ele e eu fico feliz demais com isso. O interessante é que os fãs sabem que as canções são minhas, porque já coloquei nas redes sociais e tudo mais. Ter suas músicas na voz de outra pessoas fortalece a carreira, é uma honra”, contou.

E, falando em honra, Gabriel Valim titubeou, mas confessou com quem gostaria de fazer um dueto, se tivesse a oportunidade. “Não tenho muito isso, mas acho que o sonho de todo mundo é poder gravar uma música com o Roberto Carlos. É muito difícil, por conta de estilo diferente, mas se rolasse, eu ia achar incrível”.

Com uma carreira internacional, onde já fez shows na Europa, Gabriel contou que só não vai mais para fora do Brasil, pois sua agenda não permite.

“Eu fiz dois shows maravilhosos em Portugal. É legal você sair daqui e chegar em outro país e ver 10, 12 mil pessoas cantando sua música. Atravessar o oceano e encontrar isso é muito gratificante. Eu deixei de fazer muito show fora do país, por causa da agenda lotada aqui. Tenho o sonho de me apresentar na Espanha, Suíça, Inglaterra, fui convidado para o Brazilian Day no Japão, mas não pude ir. Mas espero que consiga em breve”, afirmou.

Uma coisa que todo cantor sertanejo tem que que conviver é o assédio das fãs e Gabriel Valim contou que tira isso de letra.

“Olha, é inesperado. Tem fã que quer te agarrar, sorrir, abraçar, puxa suas calças. Mas também tem fãs homens que chegam no camarim para tirar uma foto e tudo. Eu nem sei como agradecer e por onde eu passo é sempre assim. Os fãs são tudo na carreira dos artistas. Eu gosto de dar atenção para todo mundo, eu atendo o máximo que eu posso, é difícil, mas eu faço o que posso para deixá-los felizes”, disse.

Gabriel ainda contou a história de uma fã que viajou da Bolívia até o interior do Rio Grande do Sul apenas para vê-lo.

“Teve uma fã que veio Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, e veio até Rio Grande do Sul me ver. Eu não entendia nada o que ela falava, mas eu achei muito legal o fato de ele atravessar vários quilômetros e ir em um show que não era nem nos grandes centros só para me ver”.

Gabriel Valim contou que se sente realizado com a carreira e contou que já conseguiu realizar seu sonho: ter seu próprio ônibus.

“Eu sou muito moderado com dinheiro, não sou de família rica, muito pelo contrário, ela é muito humilde. Hoje em dia, tenho tudo que preciso pra dar uma vida confortável para minha família, mas depois que minha vida deu uma guinada eu conseguiu realizar um sonho de ter meu próprio ônibus de quatro eixos, que comprei 0km, e hoje vale mais de R$ 1 milhão”, disse.

Com tantas viagens, Gabriel Valim contou que não reclama de tanto trabalho, mas confessa que sente falta de casa em alguns momentos. “Meu filho é pequeno, tem dois anos, minha esposa me acompanha em shows e gravações e fico com eles dois dias na semana e já viajo. É muito corrido, sinto falta de casa às vezes, por que muito caseiro, mas não pode reclamar do trabalho também”, disse.

Agora, Gabriel Valim se prepara para shows em Santa Catarina, onde vai se apresentar em Joinville, no dia 11 de setembro, e Jaraguá do Sul, no dia 12.

Fonte: O Fuxico

Deixe uma resposta

Fechar Menu