Ed Motta discute com internautas após declaração polêmica

A declaração do cantor gerou grande repercussão nas redes sociais, o que você achou?

ed

COMENTE

O cantor Ed Motta se envolveu em mais uma polêmica com os fãs brasileiros. Nesta quinta-feira, 9, o artista publicou uma mensagem em seu perfil no Facebook sobre a turnê que fará na Europa durante o mês de abril.

Após explicar que não canta músicas brasileiras nem fala português durante o show da turnê – utilizando apenas o inglês, a “língua universal” -, Motta questionou a postura dos brasileiros no exterior.

“O mundo inteiro fala inglês, não é possível que o imigrante brasileiro não saiba um básico de inglês. (…) Verdade seja dita, que meu público brasileiro de verdade na Europa, é um pessoal mais culto, informado, essas pessoas nunca gritaram nada, o negócio é que vai uma turma mais simplória que nunca me acompanhou no Brasil, público de sertanejo, axé, pagode, que vem beber cerveja barata com camiseta apertada tipo jogador de futebol, com aquele relógio branco, e começa gritar nome de time”, escreveu.

Assim como nas outras ocasiões, a declaração do cantor gerou grande repercussão nas redes sociais.

Uma das internautas que não gostou da mensagem foi Camila Ramos, que publicou um comentário no Facebook do cantor.

“Ed, vai embora. Escolhe um país bacana da Europa e vai morar lá. Aguardo informações sobre o preconceito que você vai sofrer… Mas ah, isso vai servir pra você ser um pouco mais humilde”.

Como resposta, o artista escreveu: “sempre sofri preconceito em vários lugares do mundo, na Alemanha então o pau come. Eu vou lá faço o que tenho que fazer e acabou. Quando morei nos USA sofria direto, mas não sou coitadinha nem vitimista, e o mais importante não estou procurando novos amigos, não tenho essas carências que o povo latino tem no mil. Quem gosta de ler, ver filmes, tocar, compor estudar, não estão preocupado (sic) com isso, o foco é outro”.

Outros internautas também demonstraram descontentamento com a postura de Ed Motta. Muitos o chamaram de “babaca”, “chato”, “ameba”, “lixo” e “palhaço”, entre outros.

Fonte: Portal A Tarde

Deixe uma resposta

Fechar Menu