Dia D de vacinação contra a gripe terá mais de 40 mil doses
Foto: Internet

Dia D de vacinação contra a gripe terá mais de 40 mil doses

Todos os postos de saúde de Suzano estarão abertos neste sábado (04/05) e haverá equipes móveis na estação da CPTM e em estabelecimentos de grande circulação

Mais de 40 mil doses de vacina serão colocadas à disposição em Suzano neste sábado (04/05) para o “Dia D” da Campanha de Vacinação contra a Gripe, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde. A ação especial será realizada nas 22 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e de Saúde da Família (USFs). Além disso, duas equipes móveis atenderão o público-alvo em locais de grande circulação de pessoas.

O Dia D acontecerá no período entre 8 e 17 horas e será direcionado aos grupos prioritários, que são mais suscetíveis ao vírus Influenza: idosos, gestantes, puérperas (mulheres que recentemente deram à luz), crianças menores de 6 anos, pessoas com deficiência no sistema imunológico, servidores públicos das áreas de Saúde e de Educação, entre outros.

Além das UBSs e das USFs de responsabilidade do município, haverá equipes em postos volantes. A primeira atuará integralmente na Estação Suzano da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), em conjunto com profissionais de Saúde Bucal, que realizarão exames preventivos gratuitamente, das 8h30 às 16h30. A segunda equipe estará em uma casa lotérica localizada na rua General Francisco Glicério, 1.233, das 8 horas às 11h30, e no D’Avó Hipermercado (rua Sete de Setembro, 555 – Conjunto Residencial Iraí), das 13 horas às 16h30.

Para atender à demanda, haverá mais de 40 mil doses da vacina disponíveis. O objetivo é alcançar a meta de imunização definida pela Secretaria de Estado da Saúde, que é cobrir mais de 95% do público-alvo até o final de maio, quando se encerra a campanha. Atualmente, 26% já foi imunizado.

Segundo o secretário de Saúde de Suzano, Luis Cláudio Rocha Guillaumon, a adesão das pessoas dos grupos prioritários é fundamental para o bem-estar da população como um todo. Guillaumon explicou que os meses de inverno são cruciais em doenças do trato respiratório, principalmente a gripe. Fortalecer o sistema imunológico dessas pessoas é fundamental para a qualidade de vida e para as políticas de atendimento à saúde pública.

Com Informações: Secop

Fechar Menu