Desafio: 1.000 minutos sem fumar: 9 motivos para largar

Isso significa passar 16 horas sem fumar.

TABACO

Uma associação da Europa lançou um desafio internacional nesta semana do Dia Mundial Sem Tabaco: o fumante ficar 1.000 minutos sem cigarro.
Isso significa passar 16 horas sem fumar.
A Associação Nacional AVC, de Portugal, quer alertar para a gravidade dos acidentes vasculares cerebrais.
Todos os anos morrem, só no país, 1.000 pessoas vítimas de AVC e o tabaco é um dos principais responsáveis: 13% das mortes são de fumantes.
O Dia Mundial Sem Tabaco é lembrando no dia 31 de Maio. 

“Os últimos estudos na área indicam que os fumantes têm uma probabilidade de sofrer AVC 3 vezes maior do que os não fumantes. O consumo de 20 cigarros por dia, por exemplo, aumenta em seis vezes o risco de AVC”, explica, Clara Fernandes, presidente da Associação Nacional AVC. 

“Sensibilizar a população para esta realidade deverá ser uma prioridade das entidades governamentais e de todas as Instituições que trabalham em prol dos doentes e familiares”.
 
Outros problemas
Além de aumentar o risco de AVC, o consumo de tabaco aumenta o mau colesterol, reduz o bom colesterol e potencia o desenvolvimento da hipertensão arterial.

Um fumante com hipertensão arterial tem uma vulnerabilidade 15 vezes maior de sofrer um AVC Hemorrágico, afirmam os especialistas.
 
Fora o dinheiro que o fumante queima diariamente, e que poderia render uma boa poupança todos os anos.
 
9 motivos para parar de fumar
1. Dentro de oito horas os seus níveis de oxigênio voltam ao normal e os níveis de monóxido de carbono reduzem pela metade.
 
2. 48 horas depois as suas capacidade de gosto e de olfato melhoram.
 
3. Dentro de 72 horas fica mais fácil respirar e os seus níveis de energia aumentam.
 
4. Depois de um mês a sua pele melhora significativamente.
 
5. Entre três a nove meses depois de parar, qualquer tipo de tosse ou pigarro diminui e o funcionamento dos seus pulmões aumenta pelo menos 10%.
 
6. Após um ano seu risco de ataque cardíaco reduz-se para metade.
 
7. Após cinco anos seu risco de AVC é praticamente igual ao de um não fumante
 
8. Após 10 anos o seu risco de desenvolver câncer do pulmão desce para metade.
 
9. Após 15 anos o risco de sofrer um ataque cardíaco é o mesmo de alguém que nunca fumou.

CARIMBO

Fonte: Só Notícia Boa

Deixe uma resposta

Fechar Menu