Contêineres perto da estação viram dor de cabeça para passageiros
Foto: Regiane Bento/Divulgação

Contêineres perto da estação viram dor de cabeça para passageiros

Morador de Suzano denunciou furtos que estariam ocorrendo entre as ruas Dr. Prudente de Morais e Benjamin

A instalação de contêineres em frente à estação de Suzano da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) virou dor de cabeça para passageiros.
O morador de Suzano, Marcos Costa, o Marquinhos da Melhor Idade, denunciou furtos que estariam ocorrendo entre as ruas Dr. Prudente de Morais e Benjamin Constant, no Centro de Suzano. O homem suspeita de que os criminosos estejam se alojando ao lado dos contêineres instalados em frente a Estação Suzano, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), no fim da Rua General Francisco Glicério, no Centro de Suzano.
Ele afirma que essas pessoas passaram a ficar no local pouco tempo depois da implantação dos contêineres e que antes eles não se alojavam por ali. “Eles ficam todos atrás desses contêineres. Antes não havia isso, começaram a aparecer depois da instalação dos contêineres. Eles ficam o tempo todo ali. Temos uma Estação de primeiro mundo, mas o lado de fora dela está muito perigoso”, disse Marquinhos.
O morador afirma ter entrado em contato com a empresa, mas diz não ter visto nenhuma mudança até então. Ele pede para que a empresa tome alguma atitude a fim de tirar as pessoas do entorno da Estação. “Se não estão sendo utilizados deveriam tirar os contêineres dali ou ao menos encostar eles na parede para afastar essas pessoas daquele local”.
Na madrugada do dia 8 de outubro, por volta das 3 horas, a Guarda Civil Municipal de Suzano (GCM) flagrou uma tentativa de furto em comércio na Rua Prudente de Moraes, através das câmeras da Central de Segurança Integrada (CSI). Uma equipe foi até o local e viu um homem tentando destruir a porta de um estabelecimento. Ele foi encaminhado ao DP Central e preso em flagrante. Segundo a GCM, a região central de Suzano é monitorada 24 horas e conta com patrulhamento constante da guarda.
As patrulhas ocorrem diariamente nas Praças Cidades das Flores, João Pessoa, Expedicionários, se estendendo até as proximidades da Estação Suzano. Também ocorre patrulhamento nas praças do Jardim Colorado e Vila Urupês. O órgão também informa que aumentou o seu contingente: de 125 passou para 181 guardas municipais, que são treinados para esse tipo de atividade. Doze deles foram direcionados para a Romo (Ronda Ostensiva Motorizada). A CPTM foi procurada, mas não encaminhou posicionamento até o final desta reportagem.
Com Informações: Diário de Suzano
Fechar Menu