Condemat e USP capacitam para curso de surdocegueira
Foto: Divulgação

Condemat e USP capacitam para curso de surdocegueira

Surdocegueira é uma deficiência em que a pessoa apresenta perdas auditivas e visuais concomitante em diferentes graus, o que a leva a desenvolver diferentes formas de comunicação para entender e interagir com outras pessoas.

Uma parceria do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) com a Universidade de São Paulo (USP) possibilitará a capacitação, a partir de amanhã, de 50 professores das redes municipais de educação no curso de extensão universitária “Aperfeiçoamento na Área da Surdocegueira e Deficiência Múltipla Sensorial”, desenvolvido com a Associação Educacional para Múltipla Deficiência (Ahimsa) e Centro de Recursos em Deficiência Múltipla, Surdocegueira e Deficiência Visual.
As aulas serão ministradas por profissionais da USP todas as quintas-feiras, à noite, no Complexo Educacional Mirambava, em Suzano. O curso tem duração de 12 meses e está prevista a realização de um segundo módulo, sobre “Comunicação para Pessoas com Surdocegueira Congênita e Pessoas com Deficiência Múltipla Sensorial”, com mais 12 meses de duração. As 50 vagas foram divididas entre as Secretarias de Educação dos 11 municípios que integram o consórcio, com a indicação dos profissionais que trabalham com educação especial, atuam na inclusão de alunos com deficiência e têm perfil multiplicador.
O curso é coordenado pelas professoras-doutoras Shirley Rodrigues Maia e Karina Soledad Maldonado Molina, que participou de uma reunião com a Câmara Técnica de Educação do Condemat em maio, quando explicou o conceito de surdocegueira e a proposta da capacitação. Surdocegueira é uma deficiência em que a pessoa apresenta perdas auditivas e visuais concomitante em diferentes graus, o que a leva a desenvolver diferentes formas de comunicação para entender e interagir com outras pessoas.
O Complexo Mirambava fica na rua Campos Salles, 884, no centro de Suzano.
Com Informações: Portal News
Fechar Menu