Advogado cita Beyoncé como argumento contra sentença no Paraná
 Foto: Reprodução/Instagram

Advogado cita Beyoncé como argumento contra sentença no Paraná

Juiz considerou um deboche e o advogado pode se dar mal. Caso foi comunicado à OAB.

Um caso inusitado aconteceu no Paraná nesta semana. O advogado Jackson Silva Wagner virou notícia depois de citar Beyoncé em um recurso de sentença registrado na 1ª Vara Cível de Toledo. No texto, ele escreveu que “algumas situações na vida excedem o entender humano” – como a sentença do juiz. Até aí, tudo bem, né?

A questão é que, para exemplificar essas situações incompreensíveis, Jackson Silva Wagner colocou Beyoncé no meio. Ele disse que “escapa à compreensão humana” o fato da música “Grown Woman”, da cantora, não estar disponível em uma plataforma digital.

Confira o clipe de “Grown Woman”:

“Grown Woman” é uma música da Beyoncé que ganhou um lançamento inusitado. Depois de tocar em publicidades, fãs esperavam que ela fosse entrar no próximo álbum da cantora – que acabou sendo o visual “Beyoncé” (2013). O que aconteceu: o clipe de “Grown Woman” entrou como bônus, mas a música não consta no álbum de áudio. Por isso, não está nas plataformas digitais.

O caso de Jackson no Paraná tem outra curiosidade. Em seu recurso, ele escreveu que, como alguns casos são incompreensíveis, precisam de intervenção divina nos autos. “Senhor Jesus, filho de Deus, guia e modelo da humanidade; toque o coração do magistrado e faça ele ler as alegações finais”, pontuou no documento apresentado à Justiça.

Acha que parou por aí?Não. Ele também pediu que Jesus libere a música “Grown Woman” nas plataformas de streaming.

Seu recurso não deu em nada: o juiz manteve a sentença. Talvez ele tenha mais sorte com a intervenção divina para liberar a música da Beyoncé.

O juiz explicou que o advogado “passou dos limites” em sua defesa, com linguagem debochada. O caso será comunicado ao Tribunal de Ética da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para apuração.

Com Informações: PopLine

Fechar Menu